fbpx

Escrituração Contábil: Veja como fazer para MEI e empresas 

O que é escrituração contábil?

A escrituração contábil é o processo fundamental no campo da contabilidade que envolve o registro organizado e sistemático de todas as transações financeiras e econômicas de uma entidade, seja ela uma empresa, uma organização sem fins lucrativos ou até mesmo uma pessoa física.

Essencialmente, é o ato de documentar detalhadamente todas as atividades monetárias que ocorrem ao longo do tempo, com o objetivo de manter um registro preciso da saúde financeira e das operações da entidade.

A escrituração contábil desempenha um papel crucial em fornecer informações confiáveis e compreensíveis sobre a situação financeira da entidade, permitindo que gestores, investidores, credores, reguladores e outros stakeholders tomem decisões informadas.

Ela serve como base para a elaboração de demonstrações financeiras, como o balanço patrimonial, a demonstração de resultados e o fluxo de caixa, que oferecem uma visão abrangente das finanças e do desempenho da entidade ao longo de um período específico.

Quais são as formas de escrituração?

Existem diversos tipos de escrituração contábil, cada um com suas características e finalidades específicas. Alguns dos principais tipos de escrituração contábil incluem:

  • Escrituração Manual: Nesse tipo, os registros contábeis são feitos manualmente em livros contábeis físicos, como o livro diário e o livro razão. Cada transação é registrada de forma detalhada, incluindo datas, descrições e valores. Embora seja mais trabalhoso e propenso a erros, ainda é utilizado por algumas pequenas empresas ou em situações específicas.
  • Escrituração Eletrônica: Nesse caso, os registros são feitos usando software de contabilidade. Isso agiliza o processo, reduzindo erros e permitindo análises mais rápidas e eficientes. Softwares de escrituração eletrônica geralmente fornecem ferramentas para lançamentos contábeis, reconciliação de contas e geração de relatórios.
  • Escrituração Fiscal: É o tipo de escrituração que envolve a elaboração de registros específicos para cumprir as obrigações fiscais e tributárias. Esses registros são usados para calcular os impostos devidos pela empresa, como o Imposto de Renda, o ICMS, o IPI, entre outros.
  • Escrituração Contábil-Fiscal (ECF): Esse tipo de escrituração é uma obrigação para as empresas no Brasil. Ela consiste em elaborar e entregar um relatório que integra informações contábeis e fiscais, demonstrando a congruência entre as duas áreas.
  • Escrituração Contábil Digital (ECD): Também obrigatória no Brasil, a ECD é uma versão digital dos livros contábeis tradicionais. Ela é transmitida anualmente ao governo e inclui todas as informações contábeis relevantes da empresa.
  • Escrituração Contábil Simplificada: Alguns regimes tributários permitem a utilização de escrituração contábil simplificada, que reduz a quantidade de informações a serem registradas e apresentadas. Isso é mais comum em empresas de menor porte.
  • Escrituração Consolidada: Quando uma empresa faz parte de um grupo econômico, a escrituração consolidada envolve a consolidação das demonstrações financeiras de todas as empresas do grupo, visando apresentar uma imagem financeira unificada.
  • Escrituração por Partidas Dobradas: Esse é um conceito fundamental na contabilidade, onde cada transação é registrada pelo menos em duas contas, uma a débito e outra a crédito. Isso garante que os registros estejam equilibrados e que os princípios contábeis sejam seguidos.

Como fazer a escrituração contábil do MEI e de empresas?

A diferença entre a escrituração contábil de um Microempreendedor Individual (MEI) e uma empresa de grande porte é significativa devido às diferenças na complexidade das operações, nas obrigações legais e nas necessidades de relatórios financeiros. Aqui estão as principais diferenças entre esses dois tipos de escrituração contábil:

Complexidade das Transações:

MEI: Geralmente envolve transações financeiras mais simples e diretas, como vendas de produtos ou serviços e poucas despesas.

Empresas: Pode ter transações mais complexas, como várias fontes de receita, várias despesas, investimentos, financiamentos e operações internacionais.

Registros Detalhados:

MEI: Embora seja importante manter registros precisos, a complexidade reduzida das operações pode permitir uma abordagem mais simplificada.

Empresas: Devido à variedade de transações, é necessário um nível mais detalhado de registro para acompanhar todas as atividades.

Documentação Fiscal:

MEI: Geralmente, os MEIs têm obrigações fiscais simplificadas, como o recolhimento do DAS mensalmente.

Empresas: Precisa lidar com uma gama mais ampla de obrigações fiscais, incluindo impostos de renda, ICMS, IPI, PIS, COFINS e outros, além de obrigações acessórias mais complexas.

Demonstrações Financeiras:

MEI: Normalmente, não é necessário produzir demonstrações financeiras completas, como balanço patrimonial e demonstração de resultados, embora a DASN-SIMEI seja uma obrigação anual.

Empresas: Deve preparar demonstrações financeiras completas, incluindo o balanço patrimonial, demonstração de resultados e fluxo de caixa, que oferecem uma visão abrangente do desempenho financeiro.

Obrigações Trabalhistas:

MEI: Geralmente não possui empregados, o que diminui a complexidade das obrigações trabalhistas.


Empresas: Precisa lidar com questões trabalhistas mais complexas, como folha de pagamento, encargos sociais, benefícios e obrigações trabalhistas legais.

Auditoria e Normas Contábeis:

MEI: Geralmente não está sujeito a auditorias externas e pode seguir princípios contábeis mais simples.

Empresas: Pode estar sujeita a auditorias externas para verificar a conformidade com as normas contábeis e a precisão das demonstrações financeiras.

Uso de Tecnologia:

MEI: Pode optar por soluções de contabilidade mais simples, como planilhas ou softwares básicos.

Empresas: Geralmente utilizam softwares de contabilidade avançados para lidar com a complexidade das operações e das informações.

Sol Azul contabilidade

Por mais de duas décadas, a Sol Azul Contabilidade tem sido a parceira confiável de empresas quando se trata de escrituração contábil. Com um histórico sólido e uma experiência vasta, temos orgulho de ser uma referência no mercado, oferecendo serviços de qualidade excepcional.

Nossa trajetória de mais de 20 anos é marcada por um compromisso inabalável com a precisão e a integridade. Sabemos que cada registro é mais do que um número – é uma história do seu negócio, uma oportunidade para insights estratégicos e uma base sólida para tomadas de decisões informadas.

O que nos diferencia é nosso compromisso em transformar registros em oportunidades. Não nos contentamos apenas em fornecer relatórios padrão, mas sim em sermos um elo para o seu sucesso financeiro. Ao escolher a Sol Azul, você está optando por uma parceria que vai além da escrituração – estamos aqui para ajudar você a crescer, prosperar e atingir seus objetivos.

Sugestão de Posts:

Invista no sucesso da sua empresa!

Como podemos te ajudar? Converse com um dos nossos especialistas em contabilidade.

Posts relacionados

Enviar mensagem
Olá, posso ajudar?! +55 19 99635-0093
Olá,
Como posso ajudar?